Ônibus para bairros Santana e Inconfidência tem novos horários

25/09/2014 17:44

O Departamento Municipal de Transportes e Trânsito de Muriaé (Demuttran) apresenta o quadro de novos horários dos ônibus que fazem a linha para os bairros Santana e Inconfidência.

Segundo a autarquia, os novos horários passarão a ser cumpridos a partir de domingo (28). Confira os quadros abaixo:

Semana do Trânsito é finalizada, em Muriaé, com distribuição de cartilhas educativas

25/09/2014 16:55

Chegou ao fim, nesta quinta-feira (25), a comemoração da “Semana Nacional do Trânsito”, que teve como tema “Mobilidade e Acessibilidade, Participação e Responsabilidade de Todos”. Em Muriaé, a mobilização terminou com a distribuição de cartilhas de conscientização, durante blitz educativa no Centro e na Barra.

Ao longo do dia, o Departamento Municipal de Transportes e Trânsito (Demuttran), a Prefeitura, a Polícia Militar e vários estudantes da Rede Municipal de Ensino fizeram a entrega do material instrutivo aos motoristas. “Precisamos chamar a atenção da população para o respeito aos mais velhos, a necessidade de que as calçadas sejam lineares e para o incômodo que causam os veículos estacionados em passeios”, declarou o diretor do Demuttran, Mário Brambila.

Ainda segundo ele, a parceria com a Polícia Militar e a adequação da cidade à mobilidade e à acessibilidade serão fundamentais para a melhoria da qualidade de vida.

Iniciada no último dia 18, a “Semana Nacional do Trânsito” contou, em Muriaé, com a apresentação de palestras das policias Civil e Militar e do engenheiro de Trânsito, Carlos Eduardo Meurer; com a campanha “Um dia sem carro”; passeata, entre outras ações.

Segundo os órgãos envolvidos, as atividades educativas irão continuar no município. O objetivo é ampliar a segurança dos mais vulneráveis como idosos e crianças, o que deverá ser feito por meio da retirada de obstáculos das calçadas (cavaletes, veículos, caixas, entulhos), melhor conservação dos passeios, descongestionamento das passagens de pedestres, colocação de rampas de acesso para os deficientes, liberação de vagas para automóveis de portadores de necessidades especiais, ou seja, com a aplicação das normas de circulação e conduta no município.

Aprovado projeto de liberação de R$ 5 milhões para Complexo Santa Rita

25/09/2014 16:20

O projeto que prevê a liberação de R$ 5 milhões para que as obras do Complexo Santa Rita possam ter continuidade foi aprovado, na noite de terça-feira (23), durante uma reunião realizada na Câmara de Vereadores de Muriaé, com presença de moradores da região englobada pelas obras e de autoridades municipais.

O encontro teve início com a apresentação, por parte de dois moradores, dos problemas diários enfrentados por quem vive na área abrangida pelo Complexo e de suas reivindicações em busca de melhorias, entre elas, a retomada das obras o mais breve possível. Eles ressaltaram a necessidade urgente da votação do Projeto de Realinhamento de Valores.

O presidente da Câmara, Sargento Joel, que é a favor da aprovação, explicou que o Realimento é necessário porque o Governo Federal não fez o repasse de verba em tempo hábil, conforme previsto em contrato assinado com a Administração Municipal anterior. “O problema da Santa Rita atinge moradores de várias ruas do Complexo. É um projeto grande, mas que irá aliviar o sofrimento das pessoas em relação às enchentes naquela região”, pontuou Joel.

Ao final da votação, o “Projeto de Realinhamento”, com liberação de verba de R$ 5 mil, foi aprovado por 10 vereadores (eram necessários oito votos). O único vereador que manteve seu voto contra foi Jair Abreu.

Jair Abreu justifica seu voto contra

“Caros muriaeenses, venho acompanhando as obras do complexo Santa Rita desde o início da sua implantação (…). Iniciaram-se as obras e tudo estava ‘ok’: valor total do empreendimento – R$39.622.056,34 e a contrapartida da Prefeitura, em torno de R$7.000.000,00 já deveria estar assegurada na Lei Orçamentária Anual. (…) O que atrasou a obra, na verdade, foi também um erro por parte da Prefeitura no processo de desapropriação. A empreiteira abriu várias frentes de trabalho nas Ruas Santa Rita, José de Abreu, Bico Doce e Vila Maricas, o que poderia ter sido feito por etapas, não atrapalhando tanto a vida das pessoas daquele local. A obra deveria ter sido toda terminada no prazo de 14 meses. (…) Até hoje também não temos definido um cronograma físico-financeiro (relatório) de execução, com os valores dos repasses e de contrapartida já executados. O que sabemos, através do site da Caixa, é que já foram gastos R$17.083.042,47 com esta obra! (…) Como pode um governo municipal deixar dívidas para outros posteriores? Como foi possível, de uma semana para a outra, a adequação de R$9,8 milhões que eram necessários para a continuidade da obra e agora para R$5 milhões que resolverão o mesmo problema? Por tudo isso, mantive o meu voto CONTRÁRIO ao empréstimo e NÃO CONTRÁRIO À OBRA, que, como todos sabem, tem muito dinheiro”.Vereador Jair Abreu

Foto: Silvan Alves

Estiagem, alta temperatura e poluição afetam peixes do Rio Muriaé

25/09/2014 15:13

Algumas pessoas conseguiram pescar "com as mãos" os peixes que vinham à margem

O Rio Muriaé foi, mais uma vez, alvo de preocupação na tarde de quarta-feira (24) – agora por causa do baixíssimo volume de suas águas, devido à estiagem. Na ocasião, diversos peixes puderam ser avistados por pessoas que passavam pela Ponte do Brum, na Avenida J.K., no Centro da cidade.

Sem entender o motivo do “fenômeno”, os muriaeenses se aglomeraram para assistir à cena inusitada. Bem próximos às margens, peixes agonizavam, tentando respirar; outros, já mortos, boiavam. Enquanto isso, alguns populares se arriscavam sobre as pedras do rio e pescavam, com as mãos, tilápias, cascudos, acarás, mandis, mandiaçus e piaus.

A Polícia Militar Ambiental foi acionada para registrar a ocorrência. Segundo o órgão, além da estiagem, que levou à redução do volume do Rio Muriaé, a alta temperatura e a poluição (com o despejo de dejetos diretamente nas águas) podem ter contribuído para a falta de oxigenação pluvial.

Fotos: Elias Muratori

PM de Cataguases captura fugitivo de presídio em ônibus da cidade

24/09/2014 16:38

Cabo Ferranti acabou machucando a mão ao conter o fugitivo

A Polícia Militar prendeu, na tarde de segunda-feira (22), Deocleciano Soares Nerva, 27 anos, fugitivo do Presídio de Cataguases, de onde saiu em 15 de setembro em liberdade temporária, para retornar sete dias depois – o que não aconteceu.

Segundo os militares, o jovem, que cumpria pena por agressão e furto, também tinha uma audiência agendada no Fórum da comarca na segunda-feira e não compareceu. Ao ser preso, ele informou outro nome aos policiais, que só confirmaram sua verdadeira identidade após consultar o sistema informatizado da PM.

O autor foi preso após ser visto no ponto de ônibus no Bairro Leonardo por dois agentes penitenciários, que não o prenderam por não estarem armados, mas acionaram a Polícia Militar, informando que Deocleciano havia entrado em um ônibus em direção ao Centro. Os militares pararam o veículo e pediram para o suspeito descer, no entanto, durante as buscas, o autor tentou fugir, e acabou sendo contido pelo Cabo Ferranti que, sofreu uma queda e machucou a mão direita.

Deocleciano Soares Nerva foi levado para o Posto Avançado da Polícia Militar, em frente ao Hospital de Cataguases e, de lá, passou por exame médico no Pronto-Socorro. A seguir, ele foi conduzido à Delegacia para prestar depoimento ao delegado de plantão, Victor Leite, que o reconduziu ao Presídio de Cataguases.

Fonte e Fotos: Site do Marcelo Lopes

Adolescentes furtam moto no João XXIII e provocam acidente

24/09/2014 16:19


Dois adolescentes furtaram uma motocicleta Honda Biz, na noite de terça-feira (23), no Bairro João XXIII, provocando dois acidentes. O veículo, que estava estacionado na Rua Amaro Goulart, desde as 18h, foi dado como furtado por volta das 22h.

A Polícia Militar foi acionada e tomou conhecimento de que uma dupla de adolescentes conduzia a moto pela Rua Cecília Meireles e, após perder o controle do veículo, acabou colidindo com o portão de uma residência.

Os rapazes não se deram por vencidos e continuaram o trajeto, seguindo para o Bairro Primavera, provocando outro acidente na Alameda dos Oitis, onde colidiram com um Chevrolet Monza, conduzido pelo proprietário da moto.

Com a batida, os adolescentes caíram ao chão – um deles ficou machucado e o outro fugiu a seguir. Um deles foi logo apreendido e, o outro, se apresentou, mais tarde, na Delegacia de Polícia.

Produtores rurais da Zona da Mata finalizam Curso de Compostagem

24/09/2014 15:51

Produtores de banana da Zona da Mata Mineira, integrantes do projeto de Fruticultura da Votorantim Metais, foram capacitados para transformar os resíduos gerados em suas propriedades em adubo orgânico, através de um “Curso de Compostagem”, ministrado em São Sebastião da Vargem Alegre, no dia 30 de agosto.

A iniciativa é uma realização do Programa de Educação e Comunicação Ambiental (PECA) das Unidades da Zona da Mata da Votorantim Metais, em parceria com a ONG Minas Vida. O curso foi oferecido a 13 agricultores, que aprenderam técnicas de reciclagem para qualificar a produção de hortaliças e árvores frutíferas, através dos ensinamentos da engenheira ambiental e sanitarista, Ingrid Venturini, e do biólogo João Paulo Pinheiro.

Durante o encontro, os palestrantes explicaram as diferenças entre lixo orgânico e inorgânico, revelando o potencial dos restos de alimentos descartados: “Primeiro, explicamos a história cultural da banana, para depois entrarmos na questão da compostagem. Por ter sido elaborado especificamente para o cultivo de banana, o curso teve um aproveitamento mais que satisfatório”, comemora Ingrid.

Segundo ela, estima-se que os agricultores possam, a partir da capacitação, produzir misturas orgânicas e cultivar micro-organismos que aceleram o processo de compostagem. Os produtores, portanto, irão economizar nos insumos despendidos na compra de adubo: “A cultura da banana necessita de um solo rico em matéria orgânica. Os produtores irão, agora, aproveitar os rejeitos gerados por suas próprias propriedades”, afirma a engenheira ambiental.

Iniciante no cultivo de banana em São Sebastião da Vargem Alegre, Marina Mota acredita que o beneficiamento do resíduo gerado em sua produção irá reduzir em 10% o valor gasto na manutenção da horta, substituindo o adubo químico pelo orgânico: “Já estamos implantando a compostagem no nosso plantio. Fazemos a coleta de produtos que normalmente descartamos, e utilizamos para produzir o adubo”, conta.

Com esta iniciativa, a Votorantim Metais busca contribuir para a qualificação de cidadãos dos municípios em que está inserida. Por meio do Curso de Compostagem, agricultores familiares têm a oportunidade de otimizar suas produções, adotando técnicas sustentáveis de cultivo: “O Programa de Educação e Comunicação Ambiental das Unidades da Zona da Mata da Votorantim Metais investe em ações que promovem o crescimento e fomentam o aumento da cadeia produtiva rural das comunidades da região”, conclui Ricardo Vinhal, gerente geral das Unidades de Mineração de Bauxita da Votorantim Metais.

Programa de Educação e Comunicação Socioambiental

As Unidades da Zona da Mata da Votorantim Metais desenvolvem o “Programa de Educação e Comunicação Socioambiental” (PECA), desde 2001, com o objetivo de disseminar a viabilidade ambiental da atividade minerária, por meio do conhecimento sobre o Meio Ambiente, a fim de ajudar à sua preservação, à sua utilização sustentável e a busca de valores que conduzam a uma convivência harmoniosa com o ambiente e demais espécies que habitam o planeta.

A iniciativa auxilia, também, a comunidade, professores, estudantes, colaboradores e seus familiares a analisarem criticamente a conservação dos recursos naturais. O programa já contemplou mais de 56 mil pessoas, envolvendo a comunidade da região, entre escolas e professores, além de empregados da Votorantim Metais e seus familiares.

Atleta da região é destaque em Campeonato Sulamericano de Jiu-Jitsu Olímpico

24/09/2014 15:35

O atleta leopoldinense Patrick Coutinho continua se destacando no cenário das artes marciais, através de sua dedicação ao representar nossa região e nosso país. Sua última conquista foi a Medalha de Prata no “Campeonato Sulamericano” pela Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu Olímpico, realizado no último final de semana, sob organização do Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes (CEFAN), com sede na cidade do Rio de Janeiro.

O atleta já conquistou outros títulos importantes, como de: Campeão Mundial de Taekwondo, de Jiu Jitsu e de Hapkido, Bi-Campeão Brasileiro de Taekwondo, Campeão Brasileiro de Hapkido, Campeão Mercosul de Hapkido, Campeão do World Cup (Copa do Mundo) de Jiu Jitsu, Vice-Campeão Mundial e 3º colocado no Absoluto de Jiu Jitsu, Vice-Campeão Sulamericano de Jiu-Jitsu, Vice-Campeão Panamericano de Jiu-Jitsu, e 3º colocado no Brasileiro de Jiu Jitsu, categoria Absoluto.

Patrick, que reside atualmente em Cataguases, treina na Equipe Gracie Barra, cujo mestre responsável é Ricardo Caetano (Caetaninho). O atleta destaca o excelente trabalho e o emprenho de toda a equipe, que conta com uma ótima estrutura física, material e humana, altamente relevantes para a evolução técnica dos atletas de competição.

Infelizmente, apesar do brilhante currículo e de sua dedicação ao esporte, Patrick Coutinho segue sem patrocinadores, o que impede de se dedicar integralmente ao treinamento. Segundo ele, com sua rotina de treinos, é grande a dificuldade de conciliar seu trabalho como professor de Educação Física em duas escolas e duas academias.

Ainda assim, o campeão segue firme em seus propósitos, dedicando-se às artes marciais e à busca por novos títulos. Sua preparação agora tem como meta o “Campeonato Brasileiro de Jiu-Jitsu Sem Kimono – CBJJ”.

Ele também faz questão de agradecer aos amigos e parceiros pela credibilidade depositada no esporte e em sua pessoa: “Agradeço a toda minha equipe; colegas de treino; ao mestre Ricardo Caetano; e às empresas que, sempre que possível, contribuem para tornar possível minha participação nos eventos. Também ao Paulo Afonso, proprietário da Pier Cataguases; ao secretário de Esportes de Cataguases, Ricardo Dias; à secretária de Esportes de Leopoldina, Jussara Thomaz; ao Sheffield Idiomas; aos empresários Jean e Thays (Iguaria Gourmet), Adolfo Carvalho (Sol e Neve), (Supre Store de Cataguases)”, finaliza Patrick.