Bombeiros controlam vazamento de gás em apartamento no Centro

20/06/2013 7:55

O Corpo de Bombeiros de Muriaé foi acionado no início da noite desta quarta-feira (19) para averiguar um vazamento de gás que acontecia em um apartamento na Av. Comendador Freitas, no Centro da cidade. Moradores do prédio fizeram o contato, alegando que um forte cheiro de gás vinha do apartamento e não havia ninguém em casa.

A movimentação chamou a atenção de quem passava pelo local e também dos moradores que, em sua maioria, deixaram o prédio rapidamente. Após chegada da equipe de controle, o vazamento foi contido e nada de mais grave foi registrado no local.

Durante sessão de fotos, noivos se juntam a protesto em Viçosa

19/06/2013 17:19

Durante sessão de fotos para o álbum de casamento, noivos entraram no clima da onda de manifestações. (Foto: Divulgação/www.nilolima.com.br)

No dia nacional de protestos contra o aumento da passagem de ônibus e gastos com a Copa do Mundo, um casal de Viçosa, na Zona da Mata de Minas Gerais, resolveu encerrar a sessão de fotos de casamento levantando cartazes no meio de uma multidão. Eles aderiram a uma manifestação perto do campus da universidade federal e fizeram as últimas fotos do álbum de casamento.

“O fotógrafo, muito animado, sugeriu que a gente entrasse no clima. O pessoal começou a aplaudir em massa, depois do beijo, então, aplaudiram muito”, conta o bancário Daniel Brandimarte, 28 anos, que se casou no sábado (15) com a fisioterapeuta Juliana Morais, 26 anos, em Viçosa. Ele se diverte ao relembrar do momento de participação popular, sem deixar de tratá-lo com seriedade. “É uma causa justa”, disse.

Daniel Brandimarte e Juliana Morais foram aplaudidos na hora do beijo. (Foto: Divulgação/www.nilolima.com.br)

Toda de branco, com buquê e muitos babados, Juliana se juntou ao grupo. “Com a participação do povo é que vai ser mudada alguma coisa no Brasil”, falou Juliana ao G1. Os cartazes foram cedidos pelos manifestantes.

Segundo o casal, a sessão de fotos começou nesta segunda-feira (17) em um sítio numa cidade vizinha. Na chegada à Viçosa, ficaram sabendo que jovens haviam saído às ruas em protesto e não hesitaram em participar. “Ficamos cerca de 40 minutos. Caminhamos só alguns metros com o protesto, porque o vestido da noiva não permite muito”, contou Daniel.

Eles contam que os dias que antecederam ao casamento foram de muita preocupação com os preparativos e, por isso, não sabiam que haveria uma manifestação na cidade na data de ontem. Mas, mesmo pegos de surpresa, acabaram participando. “Foi bacana demais e acabou ficando espontâneo”, avaliou o bancário.

Daniel e Juliana estão juntos há seis anos e, nesta quarta-feira (19), viajam para Búzios (RJ). Longe da multidão, agora, vão curtir a lua-de-mel.

Fonte: G1

Renda de peça de teatro será revertida à APAE Muriaé

19/06/2013 13:00

O grupo Atores Associados traz à Muriaé o espetáculo teatral “Aonde está você agora?”. Escrita por Regina Antonini e dirigida por Fernando Couto e Ari Nóbrega, a peça é Inspirada na canção Vento no Litoral, de Renato Russo. Ela aborda com lirismo e emoção a importância da verdadeira amizade, tornando-se um hino ao amor e a amizade vivido por dois jovens que se separam devido às circunstâncias da vida.

Parte da renda será revertida à APAE Muriaé.

Informações:

  • Peça “Aonde está você agora?”
  • Teatro Zaccaria Marques – Av. Maestro Sansão, próximo ao Centro Administrativo
  • Dias 21 e 22 de junho (sexta e sábado) – 21h
  • Ingressos – R$ 20
  • Classificação: 12 anos

Junta de Serviço Militar de Muriaé recebe encontro de secretários

19/06/2013 10:18

Tenente Araújo, chefe da Delegacia Militar em Muriaé

A 17ª Delegacia de Serviço Militar, com sede em Muriaé, recebe, nesta quinta-feira (20), um encontro com 20 secretários de juntas militares de outras cidades da região, todas jurisdicionadas à Delegacia. A intenção é apresentar o balanço mensal de alistamento nas cidades, além de definir estratégias e trocar experiências. O encontro está marcado para as 8h30.

No mesmo dia, às 10h da manhã, a Junta e os secretários recebem a visita do Coronel de Artilharia Humberto Suppes, chefe da 12ª Circunscrição de Serviço Militar (Juiz de Fora), à qual a 17ª Delegacia está subordinada. O coronel realizará uma inspeção na Junta de Serviço Militar da cidade.

Alistamento obrigatório para os jovens segue até 28 de junho

A Junta de Serviço Militar de Muriaé segue realizando o alistamento obrigatório dos jovens que completam 18 anos em 2013. Faltando menos de dez dias para o fim do prazo, que termina em 28 de junho, o número de alistamentos segue abaixo do esperado.

De acordo com o Tenente Jairo de Castro Araújo, delegado da 17ª Delegacia e chefe da JSM, até o momento cerca de 600 jovens realizaram o alistamento, que está aberto desde 1º de janeiro. “A expectativa inicial era algo em torno de 900 jovens, mas hoje acreditamos que chegaremos a 800″, disse Araújo, acrescentando que a média diária de alistamentos têm aumentado nestes últimos dias, chegando a uma média diária de 15 jovens.

Uma informação importante passada pelo Tenente é de que, diferentemente do que muitos acreditam, deixar para se alistar nos últimos dias em nada altera os critérios de seleção. “A seleção será realizada de 9 a 20 de setembro e todos os jovens alistados serão convocados para os testes, que indicarão a turma de 100 componentes do Tiro de Guerra no ano de 2014″, explicou.

Para realizar o alistamento, o jovem precisa se encaminhar à Junta de Serviço Militar portando CPF, identidade e comprovante de residência (original e xerox), além de quatro fotos 3×4. Caso seja possível, deve levar também a Certidão de Nascimento.

Com o fim do prazo em 28 de junho, quem procurar a JSM posteriormente pagará multa de R$ 2,40 e só poderá participar do processo seletivo para 2015, ficando em débito com o Serviço Militar e emitir título de eleitor, passaporte ou realizar matrícula em qualquer instituição pública de ensino.

A Delegacia do Serviço Militar de Muriaé funciona na Rua Cel. Domiciano, nº 26, 2º andar, no Centro, com atendimento de 7h às 11h e de 13h às 17h. O telefone é (32) 3729 1221.

Julgamento do “Caso Armando”, que aconteceria hoje (19), é adiado

19/06/2013 8:44

O Fórum Tabelião Pacheco de Medeiros informou o adiamento do julgamento do homicídio de Armando Duvanel Ciribelli, previsto para esta quarta (19). Segundo as informações, o juiz que presidiria a sessão pediu o adiamento por conta de seu estado de saúde. Uma nova data será marcada para o julgamento, quando o crime já está prestes a completar dez anos.

O caso

Em 28 de setembro de 2003, Armando Duvanel Ciribelli foi morto a tiros, em plena luz do dia, no bairro da Barra. A vítima – que na ocasião usava muletas, devido a um problema no joelho – discutiu com outro homem e acabou sendo alvejado algumas vezes. Armando deixou mulher e um filho.

O empresário H. S. N. foi acusado pelo crime e julgado em 2005. No entendimento do júri, ele havia agido em legítima defesa, alegando inclusive que a vítima o teria agredido com a muleta antes dos disparos, e foi condenado a um ano e três meses de reclusão em regime aberto, pena que depois foi revertida em prestação de serviços comunitários.

Revoltada com a decisão, a família de Armando não descansou e conseguiu, em 2009, a anulação do julgamento. Para o Desembargador Antônio Carlos Cruvinel, do Ministério Público de Minas Gerais, a decisão foi contrária às provas colhidas durante as investigações. Parte do texto contido no processo diz: “A decisão contrária à prova dos autos, que merece ser cassada, caracteriza-se pela escolha dos jurados de uma versão absurda, escandalosa, arbitrária e divorciada do contexto probatório, ausente de qualquer fundamento ou elemento de convicção colhido durante o desenrolar processual”.

O processo traz ainda informações de testemunhas, que afirmam não ter presenciado qualquer discussão entre os envolvidos e também parte do depoimento do acusado à Polícia Militar quando foi preso, dizendo que a vítima não havia reagido pois “não houve prazo para qualquer tipo de defesa”. Esses foram os pontos cruciais que levaram o MP a anular a tese de legítima defesa.

Hemominas realiza nova coleta de sangue em Muriaé nesta quarta

19/06/2013 7:20

A Fundação Hemominas realiza nesta quarta (19) mais uma coleta de sangue em Muriaé, no Posto Avançado de Coleta Externa (PACE) da Policlínica Dr. Biagio Montesano, na Av. Silvério Campos, bairro Safira, entre 7h30 e 15h.

Segundo a Portaria 1.353/2011 do Ministério da Saúde, podem doar sangue cidadãos com boa saúde, idade entre 18 e 67 anos. Os candidatos devem pesar acima de 50 quilos, não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 12 horas, não ter feito tatuagens nos últimos 12 meses, não ter tido hepatite após os 11 anos de idade, e que não tenham doença de Chagas. Jovens com 16 e 17 anos, somente poderão se candidatar à doação de sangue com a presença dos responsáveis legais ou autorização dos responsáveis com firma reconhecida em cartório.

Professores e estudantes fazem protesto pacífico na João Pinheiro

18/06/2013 18:30

Cerca de 50 pessoas, entre professores, estudantes e populares, se reuniram no fim da tarde desta terça (18), na Praça João Pinheiro, e realizaram um protesto pacífico. Os alvos das críticas dos manifestantes foram as péssimas condições de trabalho e salários dos professores da rede estadual de ensino, além da corrupção que suja o nome do Brasil e as mazelas sociais que o povo enfrenta atualmente.

O movimento foi organizado pelo Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (Sind-UTE). Segundo o presidente do sindicato, Sandro Carrizo, a manifestação não tem ligação com qualquer partido político, e pretende abrir os olhos da população de Muriaé. “Se não sairmos de nossas casas, nada vai mudar. Precisamos mostrar ao governo que o povo tem força sim, e muita”, afirmou.

O microfone esteve aberto durante o tempo de protesto e, além de professores, estudantes, transeuntes e até mesmo um morador de rua utilizaram a palavra. “Também sou injustiçado. Falo inglês, francês, sou mestre de capoeira e me chamam de drogado, de bêbado. Acho que as pessoas deviam olhar também para as causas desse problema social, ao invés de virar a cara para nós moradores de rua”.

Na quinta-feira (20), um novo protesto está marcado – e deve tomar proporções jamais vistas em Muriaé. Estima-se que cerca de mil pessoas deverão participar do manifesto, que terá sua concentração às 18h, na Praça João Pinheiro.

PRF apreende carga com 287 pares de sapatos falsificados

18/06/2013 16:30

Policiais rodoviários federais, da 7ª Delegacia PRF em Leopoldina, apreenderam, na tarde desta terça-feira (18), dois homens e uma carga com 287 pares de calçados falsificados e sem comprovação fiscal. A ação aconteceu no Km 772 da BR 116 e A. L. S., de 29 anos, e E. E. C., de 26, foram parados em um veículo Fiat Ducato, com placa de Minas Gerais.

Os dois homens e os produtos apreendidos foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Leopoldina.