Artigo – Como utilizar corretamente o 13º salário?

21/11/2015 10:13

decimo-terceiro-salario-parcela

Receber o dinheiro do 13° salário e utilizá-lo para pagar dívidas. Esse é o objetivo de grande parte da população brasileira e, por trás dessa medida compreensível, está um grande erro, pois, ao sair imediatamente pagando o que se deve, fica esquecido um princípio fundamental da educação financeira: o planejamento para atingir os objetivos.

Eu sei que esta é a recomendação da maioria das pessoas e que o dinheiro extra é um grande alívio para a população, mas, tratá-lo de maneira impulsiva só mostra que não se aprendeu nada sobre educação financeira.

Então, ao receber o dinheiro, o que fazer? O primeiro passo é fazer um diagnóstico de sua situação financeira. É certo que não dará para fazer isso de forma ampla, que seria anotando por um mês todos os gastos, mas dá para saber qual sua situação financeira e, a partir daí, escolher o melhor caminho. Veja estas orientações:

– Endividado e inadimplente

Se a situação for de endividamento, ainda é necessário saber se está sob controle ou se já está descontrolado, ocasionando a inadimplência. Mas, qual a diferença? Funciona da seguinte forma: inadimplência ocorre depois que o consumidor se compromete com o pagamento de algum valor em uma data, contudo, não consegue realizar dentro do prazo. Em função disso, ocorrem cobranças, tendo até o risco de o consumidor ter seu nome em lista de devedores de alguns órgãos, como Serasa e SPC. Neste caso, é interessante que, dentro de um planejamento, se utilize o dinheiro extra para esse pagamento.

Mas as ações vão muito além, já que a situação é muito arriscada, podendo refletir em diversos pontos do seu cotidiano, como relação familiar e profissional. Assim, é necessário fazer uma ação de guerra, repensando toda a vida financeira para não agravar cada vez mais a situação. O inadimplente tem que tomar a ação mais difícil, que é negociar os valores com os credores. É importante ter em mente que as pessoas querem receber esse valor. A partir daí, é a hora de buscar um consenso, nunca se esquecendo de que o valor definido terá que caber dentro do orçamento mensal. Fora isso, é necessário readequar o padrão de vida para que, no futuro, o problema não se repita.

Já no grupo dos endividados também estão os inadimplentes, mas abrange um número muito maior de pessoas. Nele, ainda estão as pessoas que compram um produto e parcelam, quem financiam carro ou casa, pegam dinheiro emprestado e tem que pagar parcelas desse empréstimo, entre outros. Em resumo, essas são as pessoas que já se comprometeram com um valor a ser pago.

Se estes compromissos estiverem sob controle, recomendo que o décimo terceiro seja utilizado para sonhos e objetivos de curto, médio e longo prazos – e entre eles pode estar o de quitar as dívidas. Para quem está endividado, mas não inadimplente, a obrigação é honrar com seus compromissos e, para que isso ocorra, os valores devem estar no orçamento mensal.

Pagando tudo dentro do prazo e, se possível, adiantando o pagamento dos valores e eliminando as dívidas o mais rápido possível, essa pessoa nunca terá problema. Além disso, para quem já está endividado, é preciso entender que só se deve pagar uma dívida quando se tem condições de fazer isso, ou seja, após se planejar, pois um passo precipitado pode até piorar a situação. Portanto, só se deve procurar um credor, quando já souber quanto terá disponível mensalmente para pagar e, então, poder negociar.

Equilibrados financeiramente e poupadores

Aos que não devem, mas também não poupam, o educador recomenda muita cautela, pois qualquer descontrole poderá fazer com que se torne um endividado e até inadimplente, da noite para o dia. Pelo menos uma parte do 13º deve ser poupada e investida, com o objetivo de formar uma reserva financeira. Assim, começará a criar o hábito de poupar para realização de sonhos também.

Para os poupadores, mesmo que em pequenos valores, a melhor opção para utilizar o 13º é continuar investindo, tendo sempre um objetivo – seja ele comprar uma casa, trocar de carro ou fazer uma viagem, ou outro sonho que tenha, possibilitando a compra destes à vista, utilizando os juros a favor e ainda obtendo descontos. A conclusão que podemos tirar é que dinheiro extra na economia, sem dúvida nenhuma, é muito positivo, desde que utilizado de maneira consciente, planejamento e com educação financeira.

Reinaldo Domingos é educador financeiro, presidente da Associação Brasileira de Educadores Financeiros (Abefin) e da DSOP Educação Financeira. É autor do best-seller “Terapia Financeira”, do recém-lançado “Mesada não é só dinheiro”, e da primeira “Coleção Didática de Educação Financeira do Brasil”.

Confira nossos destaques da Coluna Social

20/11/2015 15:12

Rubinho

Termina hoje prazo para emplacar cinquentinhas

20/11/2015 11:05

tt

Termina nesta sexta-feira (20) o prazo para proprietários de ciclomotores registrarem e emplacarem seus veículos. De acordo com o Departamento de Trânsito de Minas Gerais (Detran/MG), a partir deste sábado (21), quem não estiver de acordo com a legislação poderá ser multado e ter a cinquentinha apreendida, além de pagar o deslocamento e as diárias no pátio credenciado.

A exceção fica para os ciclomotores registrados antes de julho deste ano e que não tenham chassi gravado. Neste caso, o Conselho Nacional de Trânsito (Contran), conforme a resolução 555, permite ao proprietário se adequar até setembro de 2017.

Apesar de o prazo terminar hoje, a procura pela regulamentação ainda é baixa, de acordo com a Polícia Civil. Segundo o delegado de Trânsito, Armando Avolio, não chegou a 50 o número de emplacamentos feitos entre agosto e ontem na cidade. Dados do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), atualizados em setembro, mostram que, em 12 meses, apenas 13 ciclomotores foram registrados em Juiz de Fora, ampliando a frota de 119 para 132, um crescimento de 10,9%. Em igual período, a frota de Minas Gerais cresceu 41%, enquanto que a do Brasil, 13%. Mesmo assim, o Detran/MG garante que o prazo não será prorrogado.

Conforme a assessoria de comunicação do Detran/MG, uma liminar, impetrada no Estado de Pernambuco, permitia ao condutor dirigir ciclomotores sem apresentar habilitação. No entanto, decisão do Tribunal Regional Federal (TRF), divulgada na última quarta-feira (18), confirma a obrigatoriedade do documento. Por esta razão, segundo o Detran/MG, “assim como ocorre com as motos, é obrigatório o uso de capacetes de segurança, com viseira ou óculos de proteção”.

Com os veículos licenciados, os proprietários são obrigados a pagar impostos previstos. Ou seja, IPVA, taxa de seguro obrigatório e de licenciamento. Também serão exigidos outros procedimentos, como vistorias para transferências e comunicado de venda.

Para registrar ciclomotor, o proprietário deve buscar auxílio de um despachante ou preencher o cadastro do site www.detran.mg.gov.br e gerar boleto com a taxa de primeiro emplacamento (R$ 133,42). Depois ele deve ir à delegacia de trânsito com a nota fiscal do produto, RG, CPF, ficha do cadastro preenchida e pagamento da taxa.

Governo não garante reajuste para professores e ano letivo pode não começa

20/11/2015 10:58

prof600

Com as contas no vermelho, o governo de Minas não garante o reajuste salarial dos professores de Minas Gerais com base na atualização do piso nacional da categoria, prevista para janeiro.

A informação sobre a dificuldade de se cumprir o acordo, conforme previsto na Lei 21.710 de 30 de junho, foi dada pelo secretário-adjunto da Secretaria de Estado de Planejamento (Seplag), Wieland Silberschneider. Em resposta, a presidente do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação (Sind-Ute), Beatriz da Silva Cerqueira, disse que “que o ano letivo não vai começar”.

O impasse foi um dos assuntos debatidos em audiência pública da Comissão de Educação, Ciência e Tecnologia da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), na quinta-feira (19).

Wieland explicou que o governo já atingiu o limite prudencial imposto pela Lei de Responsabilidade Fiscal por comprometer, já desde setembro, 48,7% do orçamento com pagamento de pessoal. Caso atinja 49% – o que ele calcula que alcançará em dezembro -, o Estado fica impedido de conceder aumentos. “O governo pactuou esse compromisso (seguir o aumento do piso nacional) e vamos ter que discutir em termos legais como enfrentar esta situação, caso ela se confirme”, disse ele sobre a previsão de reajuste do salário da categoria.

Durante a reunião, Beatriz Cerqueira havia advertido para a estimativa de um aumento de quase 12% no piso nacional.

Fonte: ALMG

Aprovado projeto que permite que contribuinte negocie dívidas com o município

20/11/2015 10:53

camnara1

A Câmara Municipal de Muriaé realizou, na tarde de quinta-feira (19), uma reunião extraordinária, na qual foi aprovado o Projeto de Lei (PL) do prefeito Aloysio Aquino, o programa “Tudo em Dia” – destinado a contribuintes que estejam em débito com a prefeitura.

O PL propõe descontos nas multas e nos juros ao realizarem o pagamento dos tributos em atraso. Já discutido no Plenário na última semana, o “Tudo em Dia” só foi aprovado após duas emendas dos vereadores. A primeira é permitir que o pagamento seja feito à vista ou parcelado em seis ou doze vezes, de acordo com as possibilidades de cada um. Se o contribuinte tiver um débito superior a R$ 60 mil poderá parcelar a dívida em 50 vezes, com redução de 50% e 90% na multa de mora.

A segunda emenda estende os mesmos benefícios aos contribuintes que estiverem em débito com o Departamento Municipal de Saneamento e Limpeza Urbana (DEMSUR).

O prazo para a regularização das dividas vai até o dia 30 de dezembro. Em janeiro de 2016, as parcelas vencidas serão atualizadas no percentual de 10,33%.

 A próxima reunião da Câmara está marcada para o dia 24 de novembro. A Casa Legislativa entra em recesso no dia 15 de dezembro e retorna somente em fevereiro.

Fundarte lança exposição “Pequenos Artistas, Grandes Expressões” nesta sexta-feira

20/11/2015 10:24

bdcd7d210d43aac91a17d444c9542033.201112061555108983

Será lançada, nesta sexta-feira (20), às 19h, na galeria da Fundarte, a exposição “Pequenos Artistas, Grandes Expressões”, com trabalhos artísticos desenvolvidos em sala de aula pelos alunos da Escola Municipal de Artes Visuais Moacyr Fenelon.

A Escola foi fundada há dez anos e, desde então, procura desenvolver, junto aos estudantes e à comunidade, o gosto pela história das artes, promovendo o contato com as técnicas artísticas, em especial na área do desenho e da pintura. O espaço também oferece oficinas livres para crianças, jovens e adultos, além do Curso Básico de Artes Visuais.

A exposição é aberta ao público e a entrada é gratuita e pode ser conferida, na Fundarte, no horário comercial. Mais informações pelo telefone (32) 3696-3366.

Nova Diretoria da OAB, Subseção Muriaé, será eleita neste sábado

20/11/2015 10:05

12196244_10203745499397366_7406987489677099588_n

Será realizada, neste sábado (21), entre 08h e 17h, a eleição para a Diretoria Estadual da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Também serão eleitas as diretorias das subseções, entre elas, a de Muriaé.

A eleição acontece no Salão do Júri Desembargador Isalino Lisboa, no Fórum Tabelião Pacheco de Medeiros. Terão direito a voto os advogados inscritos na 36ª Subseção da OAB – na qual estão incluídas cidades que integram as comarcas de Muriaé, Miradouro, Palma e Eugenópolis.

Em Muriaé, a classe convergiu para uma única chapa – “Todos pela Ordem” -, com Paulo Sérgio Pires do Amaral, como candidato a presidente, e José Márcio de Oliveira Barros, candidato a vice.

Confira a composição da Chapa:

Diretoria:

Presidente: Paulo Sérgio Pires do Amaral
Vice-Presidente: José Márcio de Oliveira Barros
Secretário Geral: Simone Martins Gomes Muniz
Secretário Adjunto: Cândido José Monteiro de Castro Neto
Tesoureiro: Túlio Santos Sygilião Ribeiro

Conselho:

Ana Paola Medeiros de Oliveira Carneiro
Rafael Ricardo do Carmo
Olney Cerqueira de Castro
Cristiano de Assis
Lívia Pacheco

Hembreisk Motoclube comemora aniversário com ação solidária

20/11/2015 9:51

11148846_731266420341243_2504076944850204098_n

O Hembreisk Motoclube comemora mais um aniversário, neste sábado (21), com muita música, encontro de amigos, barracas de expositores com artigos temáticos e espírito solidário. O evento será realizado, a partir do meio-dia, na antiga Boate Labareda, na Rua José Máximo Ribeiro, perto do posto da PRF.

A programação musical irá contar com a participação das bandas Pride (Porciúncula), A Lenha, Marofagy, Black Vórtex e Queima de Arquivo, além de Carlinhos Voz e Violão. O evento é gratuito e aberto ao público. Motociclistas escudados terão direito a almoço gratuito e camping coberto, com café da manhã.

O lado solidário da festa fica por conta das doações. O Hembreisk pede a cada convidado que leve 1 kg de alimento perecível ou um galão de água mineral. As doações serão destinadas, respectivamente, à APAE de Muriaé e à população de Governador Valadares.

Mais informações pelos telefones: (32) 98401-6594; (32) 98802-8323; (32) 98865-0000.