CIPA DEMSUR realiza eleição nesta segunda-feira

31/08/2015 17:15

DSC03588

DSC03580

DSC03597

Está sendo realizada nesta segunda-feira (31), a eleição da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA) da autarquia DEMSUR, para escolha dos representantes dos empregados da unidade da Estação de Tratamento de Água – DAE ETA GÁVEA. Composta por representantes do empregador e dos empregados, a comissão tem como missão a preservação da saúde e da integridade física dos trabalhadores e de todos aqueles que interagem a Instituição. Neste dia os trabalhadores estarão escolhendo seus representantes dentre os onze candidatos que se apresentaram para a eleição da CIPA – Gestão 2015/2016.

A Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA) busca prevenir e melhorar as condições de trabalho dos trabalhadores e a execução das suas atividades profissionais de forma segura. O objetivo principal da CIPA está na prevenção de acidentes e doenças decorrentes do trabalho, de modo a tornar compatível, permanentemente, o trabalho com a preservação da vida e a promoção da saúde do trabalhador. Esses conceitos são baseados no que rege a conduta da CIPA fronte a NR-5 e suas portarias que regulam e asseguram legalmente as melhores práticas da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes dentro da instituição.

Observar e relatar condições de risco nos ambientes de trabalho e solicitar medidas para reduzir e até eliminar os riscos existentes e/ou neutralizar os mesmos, discutir os acidentes ocorridos. A segurança deve permear suas atividades principais e para tanto, suas execuções, sugestões e tomadas de medidas devem ser entendidas e cumpridas, dentro de uma consciência do trabalhador em relação a suas atividades profissionais. A CIPA estará assim colaborando com a direção da empresa, dando resultados diretos de grandes benefícios aos trabalhadores e diretamente aos resultados da empresa. O envolvimento de todos os trabalhadores com a CIPA tem como tarefa principal atuar na prevenção dos acidentes de trabalho.

DSC03559

DSC03565

DSC03595

DSC03589

Polícia Civil mineira é referência nacional em solução de crimes na internet

31/08/2015 12:06

arte crimes ciberneticos

É impossível imaginar vida sem internet. Serviços, lazer e compras a um clique para milhões de pessoas. Facilidades que escondem perigos e viabilizam a prática de delitos. A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) registrou nos primeiros sete meses deste ano 902 crimes e foram detidos crackers que agiam no Brasil.

O delegado titular da 2ª Delegacia Especializada em Investigação de Crimes Cibernéticos (DEICC), César Duarte Matoso, explica que há dois crimes cibernéticos tipificados no código penal: invasão de dispositivo informático (art. 154 A – invadir o computador) e interrupção de serviço telemático (art. 266 – tirar um site do ar). Os demais casos são crimes comuns cometidos com o auxílio da web.

A maioria deles (37%) é estelionato. Um destes casos foi esclarecido este ano. A funcionária de uma empresa da capital mineira alterou boletos bancários e fez pagamentos indevidos comprando imóveis em seu nome.

A suspeita agia com o apoio de um comparsa que trocava informações e ajudava nas transferências bancárias. Ao constatar boletos adulterados, a vítima fez a denúncia e a polícia, por meio de quebra de sigilos bancário e de e-mail, identificou o valor obtido no montante de aproximadamente R$ 800 mil.

No Alto Paranaíba, outro exemplo de criminalidade via web. Uma empresa de Araxá teve o sistema invadido. O suspeito copiou os dados e ameaçou funcionários e seus familiares. Na investigação, foi descoberta a atuação de um cracker que enviava mensagens com origem em outros países. Neste caso, houve um crime cibernético (invasão de dispositivo informático) e ainda um crime comum (de extorsão), feito virtualmente. Na investigação, foi identificado o Internet Protocol (IP) do computador em que o suspeito enviava ameaças e divulgava os documentos da empresa. Assim foram adquiridas provas que indicaram o criminoso. O delegado diz ainda que as ameaças representam 6% do total registrados na DEICC.

Polícia Modelo

A presença de policiais formados em engenharia de software e análise de sistemas, além de técnicas de rastreamento de dados explicam os bons resultados das investigações de Minas. Tanto que esses conhecimentos foram incorporados à formação do policial civil no estado e ainda são difundidos em Brasília.

A PCMG oferece ainda treinamento especializado para outras polícias. Atualmente, há duas delegacias especializadas em crimes cibernéticos no estado. No Brasil, quase a metade dos estados (48%) não possuem esta delegacia. “Estamos à frente porque há lugares sem delegacias especializadas e aqui já temos duas com qualidade na prestação de serviço. O desafio é ampliar a estrutura e capacitar os policiais civis, para a melhoria no atendimento” comenta Matoso.

Mídias sociais

Um dos fatores que facilita a criminalidade praticada na internet é o número de usuários. De acordo com o Ministério das Comunicações, as redes sociais são os aplicativos mais presentes na tela do smartphones dos brasileiros.  Em primeiro lugar, o WhatsApp aparece com  83,2%; em segundo o Facebook com  72,3%; e em terceiro o Instagram, com  39,1%.

São muitos os locais onde não há controle de quem usa computadores conectados à rede mundial, como rodoviárias, universidades, restaurantes e hotéis que contribuem para a disseminação desses crimes. Por isso, a identificação do computador onde o crime foi cometido fica mais difícil.

A Polícia alerta ainda que as mídias sociais são lugares em que o internauta pode manifestar sua opinião. No entanto, pode haver crimes de injúria, injúria racial, difamação, calúnia e até racismo. Detalhes de como o fato se deu podem definir tratar-se ou não de um crime e como será a melhor maneira de identificar o autor.

O país ainda está caminhando para uma legislação específica para crimes cibernéticos. Portanto, acionar a Justiça deve ser o último recurso a ser procurado, alerta a Polícia.  É muito melhor ter bom senso e adotar atitudes preventivas.

arte crime virtual 1

Fonte: Segov

Wilson Batista tem parecer favorável em projeto sobre cirurgia reconstrutiva de mama

31/08/2015 11:09

Posse e eleição da nova Mesa da ALMG (8) - Doutor Wilson Batista (3º - secretário da ALMG - PSD-MG)

O Projeto de Lei (PL) 27/15, do deputado Doutor Wilson Batista (PSD), que institui, nos hospitais da rede pública de Minas, o “Programa de Cirurgia Plástica Reconstrutiva da Mama”, recebeu parecer favorável da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) no último dia 19.

O projeto dispõe sobre a realização obrigatória da cirurgia plástica reconstrutiva da mama pelas unidades integrantes do Sistema Único de Saúde (SUS) em mulheres que sofrerem mutilação total ou parcial de mama, decorrente da cirurgia de mastectomia para tratamento de câncer. O texto também determina que, sempre que houver condições técnicas, seja utilizada, salvo contraindicação médica ou por opção da paciente, a técnica cirúrgica de reconstrução simultânea ou imediata da mama, a qual deve ser realizada no mesmo momento da mastectomia, incluindo os procedimentos na mama contralateral e as reconstruções do complexo auréolo-mamilar.

Também está previsto no projeto que o Executivo poderá criar, mediante convênios com entidades públicas ou privadas, o Centro de Estudos para o Aperfeiçoamento de Técnicas Cirúrgicas Aplicadas à Reconstituição Mamária, visando ao aperfeiçoamento das técnicas cirúrgicas existentes, bem como à divulgação dos resultados científicos e práticos alcançados pelo programa.

Projeto sobre atendimento pelo SUS avança na ALMG

A Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa de Minas Gerias (ALMG) aprovou pela legalidade do Projeto de Lei (PL) 13/15, do deputado Doutor Wilson Batista (PSD), que dispõe sobre o atendimento em hospitais que recebem recursos públicos aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) sem restrições.

O projeto ainda prevê que a utilização das dependências das unidades de saúde públicas ou particulares conveniadas com o SUS pelo médico para atendimento exclusivo a paciente privado configura falta de disponibilidade de atendimento. A proposição também prevê penalidades para médicos e responsáveis pelas instituições de saúde que descumprirem o disposto na lei e estabelece que o Conselho Regional de Medicina e o Ministério Público deverão ser comunicados sobre a recusa de atendimento do médico, para que medidas cíveis e penais cabíveis sejam eventualmente adotadas.

Jovem é preso por tráfico de drogas em Eugenópolis

31/08/2015 10:48

 DSC04446_620x465 

Um jovem de 19 anos foi preso, em Eugenópolis, no domingo (30) e enviado à Delegacia de Plantão da Polícia Civil, em Muriaé. Ele é suspeito de tráfico de drogas. Na casa do rapaz foram encontradas 10 buchas de maconha, um tablete grande da droga e 15 papelotes de cocaína.

A prisão aconteceu a partir de denúncias. A PM esteve na residência e, quando avistou os militares, o suspeito tentou se livrar de uma caixa de papelão e do tablete grande de maconha, mas foi visto por outro policial. Na caixa estavam os papelotes de cocaína, as buchas de maconha, R$ 35,00.

Durante as buscas no interior do imóvel foram encontrados, ainda, embalagens para droga, uma balança de precisão e um soco inglês.

Número de fumantes diminui no Brasil, mas tabagismo ainda é ameaça

31/08/2015 10:32

combate-ao-fumo-dia-nacional

 

Para alertar a população brasileira sobre os malefícios do tabagismo, o governo federal decretou em 1986, o dia 29 de agosto como o “Dia Nacional de Combate ao Fumo”. Nesses 29 anos, os números dos fumantes vêm caindo consideravelmente, mas, segundo dados divulgados pelo Ministério da Saúde, ainda um em cada dez brasileiros segue no vício – o que representa 11% da população brasileira.

A fumaça do cigarro contém mais de 4,7 mil substâncias tóxicas. A nicotina, por exemplo, é a principal causadora do vício. Ela é absorvida pelo pulmão e cai na corrente sanguínea poucos segundos após ser inalada, e libera substâncias que proporcionam uma grande sensação de prazer. Já o monóxido de carbono (CO), dificulta a oxigenação e, consequentemente, priva alguns órgãos do oxigênio causando doenças.

Hábito de fumar potencializa nível do mau colesterol

O fumo como o excesso de gorduras no sangue são fatores de risco importantes para uma condição clínica chamada aterosclerose. O tabagismo potencializa a formação das placas de aterosclerose que é provocado pelo  depósito do colesterol ruim, conhecido como LDL, nas paredes das artérias, favorecendo a médio e longo prazo à obstrução desses vasos sanguíneos. O resultado final desse processo é a ocorrência de infarto ou AVC, esse último mais conhecido como derrame cerebral.

O fumo prejudica a voz

As substâncias químicas presentes no cigarro são, de forma geral, prejudiciais à saúde. No entanto, além dos males para a saúde como um todo, o cigarro causa irritação direta na cavidade oral, podendo causar uma inflamação crônica nas cordas vocais, com isso, alterando o tom vocal podendo causar rouquidão.

O tabagismo provoca sintomas como pigarros e tosses, causam incomodo e prejudicam o funcionamento adequado do aparelho fonador. O hábito de fumar também aumenta o risco de desenvolvimento de câncer de laringe, de língua e de boca.

Mudanças de hábitos

A literatura médica aponta que o tabagismo altera a pressão sanguínea e a frequência cardíaca, reduz a oxigenação sanguínea, e faz com que os tecidos dos pulmões percam elasticidade. Por isso é preciso que o fumante deixe esse  hábito o quanto antes. A prática de exercícios pode ser uma aliada para os que querem para fumar, servindo como um incentivo para uma vida saudável.

A corrida de rua é uma das opções preferidas dos que buscam mais qualidade de vida, sendo fundamental para auxiliar na recuperação dos danos causados por anos de tabagismo. A modalidade auxilia no controle da pressão arterial, na oxigenação sanguínea e proporciona uma sensação de bem-estar nos praticantes. Mas é preciso tomar algumas medidas para se iniciar no esporte, sendo fundamental a realização de uma avaliação médica e física para conferir como anda o funcionamento do organismo, além de buscar a orientação de um educador físico, que garantirá que os treinos sejam executados em um ritmo seguro e saudável.

Fonte: www.ache.com.br

PM apreende pé de maconha em Faria Lemos

31/08/2015 10:02

DSC04458_620x379

A Polícia Militar de Faria Lemos apreendeu, no domingo (30), um pé de maconha encontrado no quintal de uma residência daquela cidade. Segundo os militares, eles receberam informações de que um morador cultivava a planta em um vaso.

O dono da droga foi encaminhado à Delegacia de Plantão da Polícia Civil, em Muriaé, e não informou o motivo de cultivar a planta em casa.

60ª Expô de Muriaé começa nesta quarta-feira

31/08/2015 9:12

page

A 60ª edição daExposição Agropecuária, Comercial e Industrial de Muriaé” será realizada entre os dias 02 e 06 de setembro, com uma programação que inclui shows, Concurso Leiteiro, Copa de Marcha, Pavilhão Comercial, Parque de Diversões Filadélfia, Team Penning e barracas com gêneros alimentícios.

Neste ano, além da “2ª Exposição Especializada do Cavalo Campolina”, haverá uma novidade: o Saloon Music Hall. As atrações foram oficialmente divulgadas na última sexta-feira, 28 de agosto, pelo Sindicato Rural e pelo produtor Marco Aurélio Machado. A entrada será franca em todas as noites da festa.

Segundo os organizadores, o evento irá contar com a segurança da Polícia Militar, circuito interno de câmeras e equipe particular de monitoramento na entrada do recinto do Parque de Exposições Lael Varella. “A expectativa é de que tenhamos cerca de 200 mil visitantes entre os seis dias de festa”, ressaltou Marco Aurélio.

A “60ª Exposição Agropecuária, Comercial e Industrial de Muriaé” é realizada pelo Sindicato Rural, em parceria com a Prefeitura e com a Secretaria Municipal de Turismo.

Confira a programação de shows:

– Quarta-feira (02/09): Show Gospel com Gisele Nascimento

– Quinta-feira (03/09): Show católico com o Grupo Unção

– Sexta-feira (04/09): Show sertanejo com Zé Henrique & Gabriel

– Sábado (05/09): Show de pagode com o grupo Sambô

– Domingo (06/09): Show sertanejo com João Lucas & Marcelo

Também irão se apresentar artistas locais, como as bandas Zem, Carbono 14 e Marofagy, mas as datas não foram divulgadas.

Andréa do Valle lança mais um livro neste sábado

28/08/2015 12:34

11894642_878942782192894_3154832785002844985_o

Mais um livro voltado para o universo infantil será lançado, neste sábado (29), pela escritora Andréa do Valle. A obra “Palavras Brincadas” conta com ilustrações do artista Flaviano Guiné e foi realizada com o apoio da Lei Alcyr Pires Vermelho.

O lançamento acontece a partir das 19h, na Biblioteca Municipal Vivaldi Wenceslau Moreira. A entrada é franca e exemplares do livro poderão ser adquiridos durante o evento.